Água no Brasil

O QUE É ÁGUA:

A água é formada de dois átomos de hidrogênio (H2) e um átomo de oxigênio (O), formando assim, a molécula H2O.

Mas não se pode esquecer que há dois tipos de água, a Salgada e a Doce. A salgada ocupa 99%

no total destas, sendo que a doce ocupa só 1% do espaço aquático no planeta Terra, sendo também que, apenas 0,23% deste total (estimativa).

O maior problema nisso tudo é que a maioria dos seres vivos necessita de água doce para sua sobrevivência e esta está ficando cada vez em menor quantidade, sendo assim, se ninguém cuidar, a vida poderá se acabar, ou pelo menos diminuir.

PRINCIPAIS PROPRIEDADES:

O Corpo Humano: Somos 70% Líquido

A maioria dos pesquisadores concorda que a ingestão de água pura é um dos mais importantes fatores para a conservação da saúde, prevenção das doenças e proteção do organismo contra o envelhecimento. Não é para menos: cerca de 10 milhões de pessoas morrem anualmente de doenças transmitidas pela água.

IMPORTÂNCIA DA ÁGUA EM NOSSA VIDA:

A Água no Corpo Humano

Cerca de 70 % do corpo humano é formado por água. Perdemos por dia em condições normais:

Respiração (durante a expiração) – 0,4 litro

Urina – 1,2 litro

Transpiração – 0,6 litro

Evacuação – 0,1 a 0,3 litros

TOTAL (aproximadamente) – 2,5 litros

- Quanta água precisa repor por dia:

Bebendo água – 1,5 litros. Ingerindo alimentos – 1,0 litro

A ÁGUA NO BRASIL:

Temos no Brasil alguns dos maiores recordes encontrados no Planeta Água: maior rio do Mundo (Rio Amazonas com 7.025 km de extensão), Quedas de água com os maiores fluxos de água do Planeta (Guaíra com 13.301.000 m3 por segundo de água – hoje encoberta sob o lago de Itaipu, Queda de Paulo Afonso no Rio São Francisco com 2.830.000 m3 por segundo, Urubupungá no Rio Paraná com 2.745.000 m3 por segundo). Temos ainda um dos maiores lagos do planeta, a Lagoa dos Patos com 10.1444 Km2 de área e com uma profundidade de 6,75 m.

Porém temos sérios problemas de gerenciamento destes recursos com índices de saneamento básico encontrados apenas em países do continente Africano:

O IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística realizaram uma pesquisa entre 1989 e 1990 em 4.425 cidades e alerta: o precário saneamento básico é responsável por 80 % das doenças que afetam a população e 65 % das internações hospitalares de crianças. – 1,15 % dos Municípios tratavam o esgoto em 1990, hoje este índice chega em 10 %.

- 30 milhões de habitantes dos 150 milhões do Brasil não recebem água tratada.

- 92 % do esgoto produzido no país é lançado nos rios e no mar sem qualquer tratamento.

- Os rios são responsáveis por 51 % do consumo de água no país.

- No Brasil todos os dias são lançados 10 Bilhões de litros de esgoto nos rios e no mar.

No Estado de SP o consumo é de 354 mil litros por segundo, o mesmo consumo de uma família de quatro pessoas durante um ano e meio. 55,68 % é gasto em irrigação de lavouras, 21,60 % nas Indústrias e 22,72 % no consumo doméstico urbano.

A maior região metropolitana do país, a de São Paulo abrange 38 municípios com 17 milhões de habitantes, produzindo 12 mil toneladas de lixo por dia sendo que 95 % é enterrado em aterros sanitários contaminando córregos e os lençóis freáticos de água.

A cidade de São Paulo com 9,5 milhões de habitantes consome 210 milhões de litros de água por hora, o equivalente a 116 piscinas olímpicas. 60 % dessa água é captado a mais de 80 km de distância da capital. No final todo o esgoto (1.100 toneladas por dia) acaba no Rio Tietê. O atual projeto para despoluir o Rio Tietê está custando 900.000.000 de dólares, sendo a maior Estação de Tratamento de Esgoto de São Paulo, a de Barueri ocupa uma área de 20 ha ou 25 campos de futebol. Existe ainda um déficit, ou seja, uma falta no sistema de abastecimento de 2,5 mil litros/segundo, deixando muitas pessoas no chamado rodízio de água.

Transcrito de: http://www.brasilescola.com/geografia/agua.htm

Pesquisa: FPN-SP-Brasil

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: